Resenhas

Resenha: O mensageiro, de Lois Lowry, por Carolina Silva

Desta vez… comecemos pelo indivíduo…

Matt, agora Matty, não vê a hora de receber seu “nome verdadeiro” do Líder. Imagina que será Mensageiro, visto que está sempre para lá e cá neste ofício. Por mais que a Floresta “rejeite” transeuntes, sempre o recebe de braços abertos. Nela, e por ela, ele pesca, colhe, passeia… É livre.

“A Floresta gosta de mim.” p.12

9788580415674
O mensageiro, de Lois Lowry. Arqueiro, 2016

Matty… Seis anos se passaram desde que chegou no Vilarejo trazendo de volta o Vidente de visita à filha. Ele tinha seu jeito “feroz” e praticava, por hábito, pequenos furtos – o que não era admissível. Hoje ele é outro. Lê, ajuda o Vidente em casa e na plantação… (Beterraba?!?… ARGH! Não!!.. Rsrs) Ele gosta de pescar com o amigo Ramon. Tem um flerte com a filha do Mestre, Jean, que lhe prometeu um beijo!… Bem como prometeu um filhote da cadela dela, que deu cria. Ele sente falta do Toquinho, que está em um pequeno túmulo, “no canto do terreno, além da horta” (p.37) já há dois anos.

Certa vez, na Floresta, Matt encontra um sapo acidentado, conversa com ele, tira-o do caminho, observa sua perna… Descobre algo que ainda não sabe nominar e guarda para si, apesar de se sentir mal já que não há segredos no Vilarejo. (Não havia…)

“Uma descarga dolorosa de energia irradiou pelo seu braço,

concentrando-se nas pontas dos dedos.” p.44

Mas há algo mudando… Ao tentar “ver além”, o Lider ercebe:

“… havia algo na Floresta que perturbava sua mente e o deixava aflito.

Ele não conseguia saber se era bom ou ruim.” p.21

Vidente também pressente…

“Tenho o meu próprio tipo de visão. (…) Está tudo diferente, Matty.

Quando ouço as pessoas falarem no assunto, consigo notar a

diferença. Há algo errado.” p.52

Algo ocorre na Feira de Negócios, que não é mais como era antigamente… A família do Ramon negociou uma Máquina de Jogos, mas não se sabe o que foi dado por ela. Matty está curioso… Percebe mudanças. O Mestre mesmo, sempre amoroso e paciente, com cicatriz – marca de nascença – desaparecendo, calvície sumindo, mais alto…

“Antes, ele teria adorado um filhote sapeca. (…) Depois

que ele chutou o cãozinho ontem…” p.67

Jean está preocupada com o pai, que negociou na Feira…

Conselho do Vidente para o seu “filho do coração” foi justamente que fizesse negócio algum, apenas observasse e ouvisse.

O Negociador também é forasteiro, chegou alguns anos antes, já com esse nome. Encaminha-se para o palanque, “abre a Feira”. Audiência em silêncio total.

“Quem será o primeiro?” p.57

“O que pede em troca?  (…)  O que oferece em troca?” p.59

O que pedem é público… O que oferecem é sussurrado e anotado em um grande livro… E as pessoas parecem “diferentes” após negociarem… Antes eram gentis, amorosas… Agora requerem assembleia e votam a favor do fechamento do Vilarejo aos de fora. Argumentam falta de recursos, mas o que há é uma atmosfera antes inexistente de… EGOÍSMO.

Há um prazo e Matty tem trabalho a fazer: levar tal mensagem a outros lugares. Vidente se preocupa com a filha, que iria morar com ele quando terminasse seu trabalho onde mora. Se não chegar a tempo… E, ainda, a Floresta está cada vez mais mudada. Até a tapeçaria feita pela Escolhida mostra… mais cerrada… inóspita. Doente. Perigosa.

Dons…

“Eu sei do seu. (…) Espere até ser realmente necessário, Matty.

Não desperdice o seu dom.” p.90

Doenças…

Ramon está doente… As pessoas… diferentes. A Floresta… agressiva, inabitável… A filha do Vidente viu sua chegada e a iminente partida deles.

Uma dura jornada… Ar irrespirável… Decomposição – monitoramento. Acabando o tempo…

Tempo.

Muralha.

Segredos.

Chegadas.

Partidas…

Um abraço, Carolina.

Anúncios

3 thoughts on “Resenha: O mensageiro, de Lois Lowry, por Carolina Silva”

  1. Confesso que a minha impressão do primeiro livro, não me anima a ler o segundo.
    Esperava muito mais da história, pois, a ideia central é ótima, mas com o passar das paginas senti uma leitura maçante.
    Talvez essa impressão possa mudar através da continuação, mas acho que por enquanto não vou lê-lo.
    São três livros ou apenas dois mesmo?
    Abraços!

    Curtido por 1 pessoa

    1. São quatro. O Doador, A Escolhida, O Mensageiro e “Son”, ainda a ser lançado aqui. As histórias podem parecer não ter ligação, mas há indícios… e mexeu com minha curiosidade e teorias. O espaço de tempo ocorre. Entre o 1o. e o 2o., na história, passaram-se 2 anos e em sociedades/vilarejos distintos. Do 2o. para o 3o., 6 anos. Mas as personagens principais se interligam e o quarto trará o link que falta para algumas questões serem fechadas. Ele trará informações de antes do novo Recebedor ser escolhido, de quando ele partiu com o Gabe e do presente. Ansiosa! 🙂

      Curtido por 2 pessoas

Gostou? Não gostou? Deixe seu comentário, vamos ficar muito felizes em respondê-lo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s