Livros

Anne Bishop está me enlouquecendo!

Olá, leitores!

Relevem a minha desinformação, pois este é para ser um post rápido, mas instigante. Recolhi algumas informações da página da autora no Goodreads, no próprio site dela e na página dedicada a ela no site da editora Arqueiro. Não tenho competência para traduções, sorry. Preciso mesmo apresentar vocês à Anne Bishop, uma autora como nenhuma outra.

Por que eu sou tão louca por essa mulher? Afinal, eu sou louca por muitas autoras, mas tenho aquele meu lado fanático por urban fantasy dark fantasy. Foram esses dois lindos e sombrios subgêneros da Fantasia que me instigaram a ser uma leitora compulsiva e blogueira. Anne Bishop escreve dentro destes subgêneros com muita genialidade.

p-bio2-216
Anne Bishop

Bio

New York Times bestselling author Anne Bishop is the winner of the RT Book Reviews 2013 Career Achievement Award in Sci-Fi/Fantasy. She is also the winner of the William L. Crawford Memorial Fantasy Award for the Black Jewels Trilogy. Her most recent novel is Marked in Flesh, the fourth book in Anne’s urban fantasy series set in a re-imagined Earth. When she’s not communing with the Others, Anne enjoys gardening, reading, and music. Since you’re reading this, there’s no point in telling you to visit her website at www.annebishop.com.

Ela não é fantástica?! Recomendo que vocês leiam a biografia dela completa no link acima. É de se apaixonar ❤

Uma das principais séries da autora, Trilogia das Jóias Negras, começou a ser publicada pela editora Saída de Emergência Brasil e teve continuação pela editora Arqueiro. A trilogia não é bem uma trilogia, já que a estória principal ocorre nos primeiros três livros e os outros 6 livros são contos relacionados a alguns personagens marcantes (foi isso que me disseram, não irei confirmar).

A série em si é complexa demais para explicar, não há uma explicação sobre o universo da série, os reinos e a magia. Você terá que desvendar durante a leitura, juntar as peças. É difícil, precisa de perseverança. A autora não explica nada, tudo é muito sombrio e misterioso. Aos poucos, você entenderá a trama, que é muito política, até.

Li os dois primeiros livros, fiquei ansiosamente aguardando o último por quase dois anos e quando (finalmente!) lançou eu quase não me recordava muito do que estava se passando. Resolvi pegar os dois primeiros para reler, não deu certo. Caiu no meu colo a série mais recente da autora, The Others.

the_others_wp
Fonte: Game Industry News, Michael Blaker (2016)

Acho que eu estava esperando algo similar às Jóias Negras, e não foi nada parecido. A Trilogia das Jóias Negras tem um toque de sensualidade no primeiro livro e de ódio no segundo, representando muito bem dois personagens masculinos que ganham destaque em cada um dos livros, e é um dark fantasy muito do seu dark. Já The Others é um urban fantasy com muita selvageria entremeada aos personagens, em uma Terra moldada ao bem querer de Anne Bishop. 

Eu fiquei tão impressionada com o trabalho da autora que eu nem sabia de mim!

417a8bf229250d38dad9b13f45fba48fEm The Others, a autora cria uma versão da Terra onde somos todos seres criados por Namid, os humanos e os others. Há uma rivalidade imensa entre os dois grupos, os indigene (tipo índios, os donos da terra, others) só suportam os humanos por suas criações. A história desses dois povos remonta e faz referência ao tempo dos desbravadores, das conquistas de terra. Eles cederam, depois de muito derramamento de sangue, algumas terras para os humanos em troca de pequenas criações, como espelhos.

Diferente dos nossos indígenas, os outros não gostam de ser ludibriados. As terras, mesmo após séculos, continuaram a lhes pertencer e dela eles fazem o que quiserem. A maioria dos indigenes vive afastada das comunidades humanas, mas há lugares às margens das cidades, chamados Courtyards, onde vários tipos de others vivem e monitoram e recebem criações humanas para enviar para o “país selvagem”. Nos Courtyards há algo que me delicia com banhos de sangue:

Lei humana não se aplica

Nunca invada! Há uma expressão chamada “suicídio por Lobo”, quando alguém propositalmente entra nas terras onde não deveria pisar. Eles são selvagens, míticos e sanguinários. Ninguém quer ser a “carne especial” no açougue, ter uma mão a menos ou o brinquedinho de um Lobo, talvez eu queira esse último…

61a9f19fefae4f9d56d777b168bc6969Interessante dizer que não há somente um tipo de humano, os humanos são a raça mais fraca e, por isso, a Namid pode ter dado algo a alguns selecionados para equilibrar um pouco. Como, por exemplo, profetisas de sangue. Mulheres que se cortam para ver profecias, mulheres viciadas na euforia que o corte dá, mulheres que muito provavelmente não passarão dos 35 anos.

Todas as mulheres que ela cria são de arrepiar nas duas séries.

Anne Bishop oferece universos riquíssimos, basta abrir qualquer livro dela. Recomendo a vocês irem ler imediatamente suas obras. Um conselho? Leiam The Others primeiro, é mais fácil de pegar o contexto e eu tenho certeza que vocês irão amar. Depois tentem algo bem desafiador, a Trilogia das Jóias Negras será um marco na vida de vocês.

Beijos, May.

Anúncios

7 thoughts on “Anne Bishop está me enlouquecendo!”

  1. Eu quase comprei essa a trilogia Jóias Negras certa vez nas Lojas Americanas. Confesso que só pensei em comprar por conta das capas que são lindas, mas depois fiquei pensando que apenas ocuparia lugar na estante e eu não ia ler, acabei desistindo, tanto deles quando “Endgame”, o primeiro e o segundo livro.
    De quanto estava na época?
    R$ 10,00 cada um!!!
    Ah! Se arrependimento matasse…
    “Endgame” eu já comprei o primeiro, estou esperando uma promoção legal para comprar o segundo e começar a ler, quando tem continuação e tem mais de um livro lançado, só começo a ler quando tenho todos, se não fico igual uma louca, da mesma forma que fiquei com “Os Instrumentos Mortais”.

    Curtir

Gostou? Não gostou? Deixe seu comentário, vamos ficar muito felizes em respondê-lo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s