Resenhas

Resenha: O mistério dos cavalos alados, de Megan Shepherd

Oi, Contagiantes!

Como vocês sabem (ou deveriam saber), em dezembro nosso amigo oculto de fim de ano entre a equipe do blog foi com indicações e hoje estou aqui para dar um feedback a vocês das indicações que recebi do Vlaxio!

Eu já havia dito que ele tinha acertado em cheio nas indicações, né, pois todas elas me despertaram a curiosidade e a vontade para ler/assistir. O Vlaxio me indicou um livro, uma série de TV e um filme. Eu estou tendo um pouco de dificuldade de encontrar a série e o filme, mas sigo forte na busca. Com isso eu foquei no que achei com maior facilidade que foi o livro, então vamos lá.

O mistério dos cavalos alados, de Megan Shepherd, já me atraiu de cara não apenas pelo nome, mas também por sua capa lindíssima! E o tanto que ele é bonito de capa é o mesmo tanto que ele é bonito em conteúdo. Na história acompanhamos a pequena Emmaline, todo o livro é escrito em seu ponto de vista, então temos uma visão inocente e pura da vida, tudo com base na cabeça de Emmaline. É o tipo de livro que a gente começa e já sabe que lágrimas vão rolar.

Emmaline vive em Briar Hill, uma grade casa antiga que fica no campo, onde tentam se isolar de uma guerra que está acontecendo. É a Segunda Guerra Mundial e sabemos que os homens foram mandados para a guerra, as cidades foram bombardeadas e Briar Hill recebe e cuida de algumas crianças que estão doentes.

A amiga de Emmaline, Anna, dorme em um quarto que tem um papel vermelho grudado na porta. Anna não pode sair do quarto, mas Emmaline fica com ela no quarto enquanto Anna empresta seus lápis de cor para Emmaline desenhar.  Enquanto desenha e pinta, ao olhar no espelho, Emmaline pode ver cavalos alados neles, os cavalos alados não estão no quarto real de Anna, mas estão no quarto refletido no espelho.

Emmaline gosta de explorar e quando pode ela dá uma escapada até o jardim que fica ao lado da casa. É neste jardim que Emmaline encontra um cavalo branco, mas não um cavalo branco qualquer, é um cavalo alado. O cavalo que na verdade ela descobre ser uma égua e que está com uma asa machucada, sem conseguir voar.

É com um bilhete do Lorde dos Cavalos que Emmaline assume a responsabilidade de proteger a égua e buscar itens necessários para criar um escudo espectral contra o Corcel Negro até a asa dela ficar boa. Nesta jornada vamos entender um pouco mais a mente de Emmaline, o que houve com sua mãe e com sua irmã Marjorie. Vamos saber também mais sobre as águas paradas de Emmaline, enquanto vemos ela ganhar um papel amarelo na porta e depois um papel vermelho.

Muitos outros personagens fazem parte da trama, as irmãs que cuidam de Briar Hill, as outras crianças e um rapaz que ajuda a cuidar da casa, pois não foi mandado à guerra por não ter um braço. Ver tudo pelos olhos de Emmaline é bem interessante, tudo que ela sabe nós sabemos, porém ela não sabe muito sobre a vida, então ela compensa na imaginação. A leitura é muito bonita, mas também é dolorosa em algumas partes. Abrimos nossos olhos junto com os da personagem à medida que vamos entendendo certas coisas. Um livro leve e fácil de ler, algo para um final de semana relaxante.

Não deixe de conferir ao final a nota da autora, que explica que partes do livro são inspiradas em fatos reais, isso nos aproxima mais ainda da história.

Bjs!


FICHA TÉCNICA

Título: O mistério dos cavalos alados

Autor: Megan Shepherd

Editora: Plataforma 21

Páginas: 208

Ano: 2017

Adicionar: Skoob

Comprar: Amazon

8 comentários em “Resenha: O mistério dos cavalos alados, de Megan Shepherd”

  1. Nossa, fiquei curiosa sobre esse livro lendo a sua resenha, também me encantei com a história ser narrada por uma criança pura e sem maldade. Com certeza deve ter momentos que apertam nosso coração. Valeu Romulo

    Curtido por 1 pessoa

  2. Ufa! Que bom que gostou. Fico feliz… É realmente um bom livro, e o fato de ser contado sob o ponto de vista de uma criança torna tudo um pouco mais mágico, ao mesmo tempo que dá uma dimensão pra gente do terror da guerra a partir de outra perspectiva.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Foi incrível ver assim, pois ela não sabia bem de certas coisas e a gente tinha que ficar deduzindo, tipo o que eram as águas paradas. Amei real, obg!

      Quando eu achar a série e o filme eu dou um feedback tbm

      Curtido por 1 pessoa

Gostou? Não gostou? Deixe seu comentário, vamos ficar muito felizes em respondê-lo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s